Cervicalgia (dor da coluna na cervical)

Cervicalgia (dor da coluna na cervical)

A coluna cervical é uma região sujeita a disfunções com atividades ocupacionais, laborais ou desportivas. Por exemplo, hoje em dia com o uso do computador e telemóvel é frequente assumirmos posições de lesão e sobrecarga estrutural de articulações e músculos, levando a disfunção e dor.

Mas existem muitas outras causas de dor e limitação funcional que podem originar "dor no pescoço"; desde fenómenos degenerativos (artrose, desgaste,...) a mecanismos agudos, por exemplo, associados a acidentes de viação (golpes de chicote) ou torcicolos por posições mantidas.


Os sintomas mais frequentes são a dor e rigidez de movimentos. Caso haja comprometimento nervoso, a cervicalgia poderá irradiar para um ou os dois membros superiores, provocando diminuição de força muscular, da sensibilidade e por exemplo a sensação de "formigueiros" no trajeto do(s) nervo(s) afetado(s). Por vezes, as disfunções da cervical podem estar também associadas a cefaleias (dores de cabeça).

Como em todas as condições clínicas, o tratamento dependerá das causas e gravidade da situação, no entanto, o primeiro objetivo, frequentemente, é aliviar sintomas e atuar sobre a causa do problema. Assim, poderão ser utilizadas, por exemplo, técnicas para alívio de dor, de aumento da mobilidade e reeducação muscular. Além disto, sempre que se aplique, é importante modificar a realização de atividades quotidianas que possam estar a provocar e/ou agravar a sintomatologia.


Os conteúdos aqui presentes são originais, da autoria da PURAFISIO e não podem ser reproduzidos ou copiados sem autorização. Material meramente informativo. Cada condição clínica requer uma avaliação e acompanhamento individualizado.